Psicologia das Cores

Publicado em: 05/01/2022 / Categorias: cores, design / 1740 palavras / 8,7 min de leitura /

Teoria da Cor

Este é um tema suficientemente complexo (e polémico) para ser abordado num artigo, mas queremos deixar os principais elementos que podem orientar ou fazer perceber se realmente as cores têm algum efeito na psique ou nas emoções e portanto são passíveis de alterar estados de percepção.

Em 1666, o cientista inglês Sir Isaac Newton descobriu que quando a luz branca pura passa através de um prisma, separa-se em todas as cores visíveis. Newton descobriu também que cada cor é constituída por um único comprimento de onda e já não pode ser separada em outras cores.

Nesse passado, outras experiências mostraram que a luz podia ser combinada para formar outras cores. Por exemplo, a luz vermelha misturada com a luz amarela cria uma cor alaranjada. Algumas cores, como o verde e o magenta, cancelam-se mutuamente quando misturadas e resultam numa luz branca.

Se já pintou, então provavelmente já reparou como certas cores podem ser misturadas para criar outras cores.

“Dada a prevalência da cor, seria de esperar que a psicologia da cor fosse uma área bem desenvolvida”, observaram os investigadores Andrew Elliot e Markus Maier. “Surpreendentemente pouco trabalho teórico ou empírico tem sido conduzido até à data sobre a influência da cor no funcionamento psicológico, e o trabalho que tem sido feito, tem sido conduzido principalmente por preocupações práticas e não por rigor científico”.

Apesar da falta geral de investigação nesta área, o conceito de psicologia da cor tornou-se um tema quente no marketing, arte, design, e outros campos. Muitas das provas nesta área emergente são muitas vezes meramente empíricas mas investigadores e peritos fizeram algumas descobertas e observações importantes sobre a psicologia da cor e o seu efeito nos humores, sentimentos e comportamentos.

teoria da cor
harmonia das cores

A cor é determinada pelo cérebro

Quando se olha para um objecto de cor, o cérebro determina a sua cor no contexto das cores circundantes.

A sensação que se tem quando se olha para cores complementares brilhantes uma ao lado da outra é um efeito vibrante ou pulsante. Parece que as cores se estão a afastar umas das outras. É causado por um efeito chamado cansaço de cor. Quando uma cor atinge uma porção da retina por tempo suficiente, o nervo óptico começa a enviar sinais confusos para o cérebro. Esta confusão é intensificada pelos complementos.

A mistura de cores complementares brilhantes chama a atenção, mas deve ser usada com contenção. O efeito é desconcertante e pode fazer com que os olhos se sintam como se tivessem sido abanados.

Faça a seguinte experiência: Olhe fixamente para o ponto central na zona das quinas durante 30 segundos. Depois feche os olhos ou olhe para uma parede branca. O que vê?

bandeira portugal invertida

Psicologia da Cor

As nossas associações pessoais e culturais afectam a nossa experiência de cor. As cores são vistas como quentes ou frias principalmente devido a associações de longa data (e muitas vezes universais). Amarelo, laranja e vermelho estão associados ao calor do sol e do fogo; azul, verde e violeta com a frieza das folhas, do mar e do céu. As cores quentes parecem mais próximas do espectador do que as cores frias, mas as cores vivas e frias podem subjugar a luz e as cores quentes subtis. A utilização de cores quentes para primeiro plano e cores frias para segundo plano aumenta a percepção da profundidade.

Embora o vermelho, amarelo e laranja sejam, em geral, considerados cores altas e o azul, verde e a maioria das violetas são tons baixos, o brilho, a escuridão e a leveza de uma cor podem alterar a mensagem psicológica. Enquanto um azul-verde claro parece ser tranquilo, húmido e fresco, um turquesa brilhante, muitas vezes associado a um cenário exuberante do oceano tropical, será mais excitante para o olho. A associação psicológica de uma cor é muitas vezes mais significativa do que a experiência visual.

As cores actuam tanto sobre o corpo como sobre a mente. O vermelho demonstrou estimular os sentidos e aumentar a pressão sanguínea, enquanto o azul e o verde claro tem o efeito oposto e acalma a mente. É por isso que as batas dos médicos tendem a ser destas cores.

As pessoas vão tendencialmente jogar mais e fazer apostas mais arriscadas quando sentadas sob uma luz vermelha, em oposição a uma luz azul. É por isso que Las Vegas é a cidade do néon vermelho.

Para a maioria das pessoas, uma das primeiras decisões do dia diz respeito à harmonia de cores. O que é que vou vestir? Esta pergunta é respondida não só escolhendo um estilo e um tecido adequados à estação, mas também fazendo as escolhas certas de cor. E a partir daí, continua. Quer esteja a conceber uma nova cozinha, a embrulhar um presente ou a criar um gráfico de barras, as cores escolhidas afectam grandemente os seus resultados finais.

Quantas vezes já respirou ao ver um canteiro de flores em plena floração? Muito provavelmente o jardineiro arranjou as flores de acordo com a sua cor para uma vibração extra. Já alguma vez viu um filme em que um esquema de cores coordenado ajuda o filme a criar um mundo para si próprio? Com um pouco de conhecimento de boas relações de cor, pode fazer com que as cores funcionem melhor para si nas suas decisões empresariais e outras aplicações.

A cor é luz e a luz é energia. Os cientistas descobriram que mudanças fisiológicas reais ocorrem nos seres humanos quando estes são expostos a determinadas cores (vibrações). As cores podem estimular, excitar, deprimir, tranquilizar, aumentar o apetite e criar uma sensação de calor ou de frescura. Isto é conhecido como cromodinâmica.

Há muitas histórias sobre os efeitos psicológicos da cor como por exemplo, quando um executivo de uma empresa de tintas recebeu queixas de trabalhadores num escritório azul de que o escritório era demasiado frio. Quando os escritórios foram pintados com uma cor pêssego quente, as pessoas retiravam os casacos mesmo que a temperatura não tivesse mudado. Eu próprio já fiz uma experiência com cartolinas rosa monstrando evidências de como a presença dominante de uma cor pode influenciar a força física momentânea.

As ilusões discutidas abaixo mostrarão que por vezes as combinações de cores podem enganar o espectador, por vezes de formas que funcionam a seu favor. Podem também causar efeitos infelizes, por isso não deixe de estar atento a estas pequenas armadilhas.

Por vezes, as cores afectam umas às outras de formas inesperadas. Por exemplo, a maioria das cores, quando colocadas ao lado dos seus complementos, produzem efeitos vibrantes e eléctricos. Outras cores, nas combinações certas, parecem bastante diferentes do que seria de esperar.

Mas as ilusões de cor mais marcantes são aquelas em que cores idênticas, quando rodeadas por fundos diferentes, parecem ser diferentes umas das outras. Num efeito relacionado mas oposto, cores diferentes podem parecer ser a mesma cor, quando rodeadas por certos fundos.

Na imagem abaixo, o coração é da mesma cor, mas como as áreas circundantes são marcadamente diferentes em contraste, parece aos nossos olhos que são diferentes. Da mesma forma que uma cor pode parecer diferente em ambientes diferentes, duas cores semelhantes podem parecer idênticas sob algumas condições.

ilusão cores diferentes
A cor do coração é diferente?
Psicologia das Cores
Por esta imagem percebe-se que as cores são iguais.
psicologia das cores

Então, em que é que ficamos? Embora a cor possa ter influência na forma como nos sentimos e agimos, estes efeitos estão sujeitos a factores pessoais, culturais e situacionais. É necessária mais investigação científica para se obter uma melhor compreensão da psicologia das cores. Até lá, alguma literatura recomendada.

Livros Recomendados

Existem algumas leituras interessantes sobre o tema:

  • A psicologia das cores de Eva Heller
  • O Simbolismo das Cores de Frédéric Portal
  • A nível mais técnico: Design Elements – Color Fundamentals de Aaris Sherin

Precisa de um trabalho

que envolva conhecimentos sobre psicologia das cores?
Solicitar Proposta

Quero saber mais

Oferecemos um serviço de design pensado exclusivamente para cada caso, interessante e relevante e não um simples pacote predefinido de design.

Através de uma metodologia de trabalho consistente e da experiência adquirida em inúmeros projectos gráficos desenvolvidos, garantimos sucesso e resultados.

Queremos mostrar-lhe como podemos ser uma mais-valia no seu projecto dando dicas relevantes e adaptando-nos às suas necessidades.
Pautamos pela autenticidade e só propomos o que for mais valiosos para si. Eliminando a complexidade e diminuindo os timings de entrega, tornamos tudo mais fácil do seu lado. Já do lado de cá, andamos sempre de mão dada com design thinking, boas regras de proporção, os mais modernos princípios e teorias da cor, boas práticas na construção de grelhas e layouts, experiência de usuário, leads, etc…

Contacte-nos ou solicite uma proposta.

Exxa Design Studio

Partilhe!